Empresas de ônibus escolares param por falta de pagamento do GDF

A semana dos alunos brasilienses começou com a paralisação dos motoristas de vans e ônibus escolares da rede pública de ensino. O motivo é o atraso no repasse de recursos ao setor. Segundo representantes da categoria, o governo não estaria realizando o pagamento desde o ano de 2014 e a dívida já estaria em aproximadamente R$ 40 milhões.

São mais de 600 ônibus parados por causa da falta de verba. A paralisação está prejudicando cerca de 60 mil alunos das redes públicas do DF. De acordo com a advogada da Associação das Empresas de Transporte Escolar de Brasília, Elisa Caris, “a intenção das empresas não é prejudicar os alunos do DF, mas não existem condições para continuar.”

Com o atraso do repasse, os motoristas também ficam prejudicados. As 11 empresas que estão paralisadas circulam em todas as cidades satélites do DF. Em nota, a Secretaria de Educação do GDF esclareceu que os pagamentos ainda não foram realizadas por falta de disponibilidade financeira.
Letícia Verdi/MEC

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo