Um marco histórico para os Jornais Comunitários

Aconteceu nessa quinta feira (10/11) a Sessão Solene na Câmara Legislativa do Distrito Federal em homenagem ao Dia do Jornais Comunitários presidida pelo Deputado  Distrital Claudio Abrantes.

Composição da mesa: Ataíde Santos (Diretor Asvecom) à esq. Ana Neves (Vice presidente Asvecom),
Deputado Claudio Abrantes, Acilino Ribeiro (Subsecretario de Movimentos Sociais) e Edvaldo Brito (Presidente da Asvecom)





Claudio Abrantes deu inicio a Sessão Solene 
dizendo "... a homenagem não chega nem perto do reconhecimento realmente merecido para este segmento tão importante para a sociedade". O objetivo principal desse evento foi dar uma maior visibilidade e reconhecimento aos Jornais Comunitários impressos do Distrito Federal e Entorno, ressaltando a importância de cada um dentro de suas cidades.











Ataíde Santos, Diretor de Relações Institucional da Asvecom, complementou a fala do deputado dizendo que é de suma importância que os Jornais Comunitários sejam reconhecidos e que esse dia será um grande marco na história dos Jornais Comunitários.








Ana Neves, Vice Presidente da Asvecom - esboçou sobre a trajetória de  fazer um jornal impresso e de distribuir em locais  que a mídia grande não chega,   são os jornais comunitários que estão na periferia, com o pé na poeira para levar a informação para as pessoas.

"Em 1990 ouvi dizer que os jornais comunitários estavam com os dias contados. Quanto tempo se passou e aqui estamos firmes e fortes", ressalta Ana Neves. 

Foi exibido um vídeo para homenagear os jornais comunitários, após Ana Neves deixar um suspense no ar quando falou:
" para se manter como jornal precisamos utilizar um código chamado IPEND". Logo após o vídeo ela decifrou o código que é usado pela Asvecom diariamente.



"IPEND - Insistir, Persistir e Nunca Desistir  esse é o código que devemos usar diariamente e se não praticarmos é impossível continuar mantendo um jornal comunitário".

Para finalizar fez questão de agradecer a cada um dos jornais comunitários presente, citando o nome do represente e do  veículo respectivamente, como forma de reconhecimento e amizade que tem a cada um desses jornais. 



Edvaldo Brito, Presidente  da Asvecom : "Este foi o ano da colheita para os jornais comunitários do Distrito Federal. Após anos de lutas incansáveis, com alguns não suportando o peso das responsabilidades e alguns se mudando para o andar de cima[...]. Os jornais comunitários buscam dar esse espaço aos moradores através de notícias direcionadas que é respeitado pelos representantes do poder público. Não somos protegidos e nem sustentados. Essa não é a nossa filosofia. O que fazemos é uma contrapartida em forma de comunicação. A luta é antiga[...]. relembrou companheiros e o empenho de vários parlamentares em outras oportunidades.







Acilino Ribeiro, Subsecretário de Movimentos Sociais e Participação Popular, conhecido pelos jornais comunitários como um grande parceiro dentro do governo de Brasília. 

" A grande mídia que é a mídia empresarial ela  vende informação e faz propaganda, enquanto que a mídia comunitária ela presta informação a opinião pública e forma a opinião, enquanto uma tem a opinião publicada que é a grande mídia a mídia comunitária ajuda a opinião pública".







Finalizando a sessão cada jornal recebeu uma Monção de Louvor e Aplauso pelas mãos do Deputado Claudio Abrantes.



© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo