Rollemberg inaugura a Praça da Cidadania, no Eixo Monumental

Foram plantados 300 ipês-amarelos em uma área atrás do Teatro Nacional para representar a paz no trânsito. Iniciativa faz parte do projeto Brasília Capital do Ipê.

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, inaugurou a Praça da Cidadania, no Eixo Monumental, na manhã deste sábado (29). Foram plantados mais de 300 ipês-amarelos atrás do Teatro Nacional. O novo espaço tem como tema a paz no trânsito.O governador Rodrigo Rollemberg plantou um dos 300 ipês-amarelos, que representam a paz no trânsito. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

“Esta praça representa a cidadania na cidade em que os brasileiros vêm para reivindicar seus direitos”, disse Rollemberg. “Brasília tem quatro orgulhos: o Lago Paranoá, o céu, os ipês e o respeito à faixa de pedestres.”

O governador ressaltou a redução de 76 mortes em acidentes de trânsito no primeiro semestre deste ano, em comparação com o mesmo período em 2016. É o menor número já registrado no DF. Em homicídios, a diminuição foi de 64 em relação ao ano passado, que teve a menor taxa dos últimos 23 anos.

A inauguração contou com aulas de dança, plantio de mudas, apresentação de shows e a participação do Corpo de Bombeiros, da Polícia Civil, do Departamento de Trânsito (Detran) e do Serviço de Limpeza Urbana (SLU). Uma exposição de carros antigos e uma praça de alimentação com food trucks complementam o evento.
Brasília Capital do Ipê

A praça é o segundo espaço do projeto Brasília Capital do Ipê que será inaugurado. Em 2016, foi entregue a Praça da Paz, com ipês-brancos, no Parque da Cidade. O projeto prevê ainda a construção de mais dois locais semelhantes: a Praça do Amor, com ipês-rosas, e a do Respeito, com ipês-roxos.

O projeto é uma parceria do governo de Brasília com a Rede Globo, o jornal Correio Braziliense e a empresa Digital Group.

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo