Presidente do Sinduscon-DF recebe título de cidadão honorário de Brasília

Homenagem partiu da deputada Telma Rufino

Por iniciativa da deputada Telma Rufino (Pros), a Câmara Legislativa realiza nesta segunda-feira (11), às 19h, sessão solene para a entrega do Título de Cidadão Honorário de Brasília ao engenheiro e empresário Luiz Carlos Botelho Ferreira, atual presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinduscon-DF). A solenidade acontece no plenário da Casa e deverá contar com a presença de parlamentares, empresários e autoridades, além de amigos e familiares do homenageado.

Para Telma Rufino, a outorga do título a Luiz Carlos Botelho representa uma justa homenagem do Legislativo local em reconhecimento aos relevantes serviços prestados em prol do desenvolvimento da capital federal. A distrital lembra que o projeto de decreto legislativo relativo à concessão do título foi aprovado por unanimidade pelos deputados durante sessão itinerante da CLDF na sede do Sinduscon-DF, no final de junho deste ano.

Luiz Carlos Botelho assumiu a presidência do sindicato em 1º de junho de 2015, após vencer as eleições com 86% dos votos. Reeleito em 2017 com 83% de aprovação, deve ficar à frente da entidade até 31 de maio de 2019. Exerce também o cargo de sócio-diretor das empresas LDN Empreendimentos de Engenharia e Construtora LDN Ltda. desde 1979. Botelho é casado com Suely de La Rocque Ferreira, com quem tem quatro filhos: Alessandra, Andréa, Ana Cláudia e Pedro Henrique; e sete netos.

Trajetória – Natural de Campo Florido (MG), iniciou sua graduação em engenharia civil na Escola de Minas de Ouro Preto, curso que finalizou, posteriormente, na Universidade de Brasília (UnB). Antes de ingressar na carreira sindical, foi sapateiro, motorista de táxi, servidor público, professor de matemática, entre outras profissões. Após formado, trabalhou em diversos ramos da Engenharia Civil.

Durante sua trajetória, Botelho atuou em diversos cargos públicos. Foi presidente do Fórum Empresarial do DF, que congregava cinco federações e 83 entidades de classe; chefiou o Serviço de Cadastro da Novacap e desempenhou o papel de conselheiro de Administração do Metrô-DF. Exerceu, também, o cargo de vice-presidente da Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra) por dois mandatos e foi diretor Imobiliário da Associação Brasiliense de Construtores (Asbraco). Atuou, ainda, como presidente do Pensamento Nacional de Bases Empresariais (PNBE) e conselheiro do Trabalho na Confederação Nacional da Indústria (CNI) durante oito anos.

O trabalho sindical de Luiz Carlos Botelho teve início em 1997, como 1º vice-presidente, no mandato de Adalberto Valadão (1997 a 1999). Na gestão de Márcio Machado (1999 a 2003), ele também esteve presente como diretor e vice-presidente. De 2005 a 2007, com Juvenal Amaral na presidência do Sinduscon-DF, integrou a diretoria da entidade como vice-presidente. Ainda em 2007, sob o comando de Elson Póvoa, atuou como vice-presidente administrativo-financeiro nas duas gestões (de 2007 a 2011). Nas lideranças de Julio Peres (2011 a 2014), foi 1º vice-presidente. Assumiu pela primeira vez a presidência do sindicato no dia 19 de dezembro de 2014, em função da nomeação de Peres para o cargo de secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos do Distrito Federal. Botelho era, portanto, o primeiro na linha de sucessão. 

CLDF

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo