Orquestra Sinfônica contempla artistas nacionais em junho

Músicos apresentarão obras de Camargo Guarnieri, Heitor Villa-Lobos e Radamés Gnatalli. Neste mês, também fazem parte da programação dois concertos ao ar livre, em festivais no CCBB e no Iate

Obras de artistas brasileiros terão destaque na programação de junho da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro. As apresentações vão contemplar compositores nacionais de renome, como Camargo Guarnieri, Heitor Villa-Lobos e Radamés Gnatalli.Edição de arte/Agência Brasília

Outro destaque do mês será a homenagem ao maestro Claudio Santoro, que faria 100 anos em 2019 e dá nome à orquestra.

A primeira exibição da sinfônica ocorrerá na terça-feira (5), no Cine Brasília, na 106/107 Sul. A proposta é proporcionar uma experiência leve e alegre ao público, na volta à rotina após o feriado prolongado de Corpus Christi (31).

Para isso, os músicos tocarão as peças Dança Brasileira, de Camargo Guarnieri, e Retratos, de Radamés Gnatalli. Nessa última, são homenageadas referências do chorinho, como Ernesto Nazareth e Chiquinha Gonzaga. O grupo brasiliense Sai da Frente é o convidado especial da noite, com participação de Victor Angeleas no bandolim. A regência é do maestro Cláudio Cohen.
Programação de junho da Orquestra Sinfônica de Brasília
Na sexta-feira (8), a Orquestra Sinfônica se une à banda de música do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal para inaugurar o teatro da corporação, no Setor Policial Sul.

O repertório inclui obras como Capricho Italiano, de Tchaikovsky, compositor russo cuja morte completa 125 anos em 2018. Também regidos pelo maestro Cláudio Cohen, está prevista a execução de Salute to the Cinema, de Karl Stromenn; Libertango, de Astor Piazzolla; e Dança Eslava Opus 46 nº 1, de Antonin Dvořák.

Para celebrar a obra e a contribuição de Claudio Santoro para a música brasileira, a orquestra tocará, na terça-feira (12), a Sinfonia nº 9, de autoria do maestro e compositor amazonense. A apresentação, no Cine Brasília, conta ainda com passagens pelo jazz, com Rhapsody in Blue, de George Gershwin. A solista convidada é Fabíola Pinheiro, no piano, com a condução de Cláudio Cohen.

O jazz também toma lugar na orquestra com o Festival CCBB in Concert, no Centro Cultural Banco do Brasil, no Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 2, no sábado (16).

Nesse dia, a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro recebe os saxofonistas estadunidenses Brandford Marsalis e Paula Goes. Juntos, executam Concerto para dois saxofones e orquestra, de Sebastian Bach; e Fantasia para saxofone e orquestra, de Heitor Villa-Lobos.

Estão previstas ainda as suítes Porgy and Bess, de George Gershwin; e de Star Wars, de John Williams, sob a batuta de Cláudio Cohen.

Na terça-feira (26), a regência da sinfônica fica sob responsabilidade do compositor residente Ricardo Calderoni. Ele é responsável, entre outras atribuições, por compor peças para a orquestra e terá a oportunidade de executar três de sua autoria: Brazilian Lands; Concerto para duas flautas e orquestra; e Céus Brasileiros. Nesse dia, ele também conduz a abertura da ópera Bodas de Fígaro, de W.A. Mozart, e a Sinfonia nº 8 Inacabada, de Franz Schubert.

O encerramento da temporada de junho ficará por conta do Festival Iate in Concert, no sábado (30), no Iate Clube de Brasília, no Setor de Clubes Esportivos Norte, Trecho 2. A partir das 17 horas, o público poderá acompanhar a execução de trilhas sonoras do cinema, clássicos universais e musicais. Haverá ainda shows de dança clássica e de tango. O evento conta com a participação especial do maestro João Carlos Martins e da soprano Laetitia Grimaldi.

A entrada é gratuita em todos os dias. Para a sessão no Festival Iate in Concert, é necessário retirar o ingresso antecipadamente na portaria central do clube mediante doação de três quilos de alimento não perecível. As trocas poderão ser feitas de 18 a 29 de junho, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas.

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.