Nesta segunda (3), 10 mil vagas estão disponíveis para pessoas com síndrome de Down, com deficiência, pacientes de hemodiálise e gestantes de risco.
Agência Brasília

A Secretaria de Saúde vai abrir, a partir das 9h desta segunda-feira (3), 10 mil vagas para agendamento da vacinação contra a covid-19 para o primeiro grupo de pessoas com comorbidades. Por meio do site vacina.saude.df.gov.br, pessoas com síndrome de Down, com deficiência cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC), pacientes que fazem terapia renal substitutiva (hemodiálise) e gestantes com comorbidades poderão agendar o recebimento da primeira dose da vacina.

A aplicação de imunizantes que previnem a covid-19 será ampliada no Distrito Federal com a chegada de 81,5 mil doses da vacina AstraZeneca e mais 5.850 da Pfizer BioNTech na manhã de hoje. Nesta terça-feira (4), a partir das 9h, será aberta mais uma etapa da vacinação para profissionais de saúde que não fazem parte da rede pública e que possuem registro em conselhos de classe.

Para esse grupo serão disponibilizadas 10 mil doses para as categorias que ainda não atingiram grande cobertura. São elas: medicina, enfermagem, biologia, técnicos em radiologia, trabalhadores de laboratório e da Secretaria DF Legal.

Na quarta-feira (5), também a partir das 9h, será a vez do agendamento de pessoas com comorbidades na faixa etária de 55 a 59 anos. Para este grupo, a Secretaria de Saúde vai destinar 60 mil doses de imunizantes.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, considera como muito importante esse avanço na vacinação contra a covid-19 na capital federal. “Estamos concluindo a vacinação em pessoas idosas e, agora, iniciando a vacinação em pessoas que têm comorbidades. É um passo muito importante para proteger nossa população contra o coronavírus”, afirma.

Balanço

Até o momento, o DF já recebeu 835.360 doses das vacinas CoronaVac (559.360) e AstraZeneca (276 mil). Com a chegada de mais essa remessa prevista para essa segunda-feira (3), a capital terá o total de 922.710 doses.

Durante a campanha, que começou no dia 19 de janeiro, 456.551 pessoas receberam a primeira dose e 252.356 a dose de reforço. As categorias mais vacinadas foram de trabalhadores da Saúde (124.009 D1 aplicadas e 96.744 D2) e idosos entre 65 e 69 anos (76.659 D1 e 45.941 D2).

A vacinação ocorre em 55 pontos cobrindo todo o território do Distrito Federal.



*Com informações da Secretaria de Saúde