Vacinação contra a Covid-19 no Distrito Federal — Foto: TV Globo/Reprodução

Marcação abre às 10h, no site da Secretaria de Saúde. Pasta também disponibiliza vagas para pessoas com 46 anos ou mais e com comorbidades; veja detalhes.

Por Walder Galvão, G1 DF

O agendamento da vacinação contra Covid-19 de pessoas com 44 e 45 anos, sem comorbidades, começa neste sábado (3), às 10h, no site da Secretaria de Saúde. Ao todo, são 39.760 vagas para o grupo etário.

De acordo com a pasta, a abertura de vagas foi possível após a chegada de 32.760 doses da vacina Pfizer, nesta sexta-feira (2). Além disso, a secretaria informou que outras 7 mil vagas serão destinadas para o agendamento de pessoas a partir dos 46 anos.

A Secretaria de Saúde informou ainda que abre mais mil vagas para atender pessoas com comorbidades de 18 anos ou mais, também às 9h (veja lista de doenças preexistentes). Segundo a pasta, esse grupo foi incluso devido ao "remanejamento de doses não utilizadas em outros agendamentos".

A vacinação do novo público-alvo começa nesta quarta-feira (7), segundo a Secretaria de Saúde. Neste fim de semana, a campanha terá continuidade em cinco postos drive-thru (veja abaixo). São contemplados sem agendamento pessoas com mais de 60 anos, grávidas e puérperas com comorbidades não precisam agendar.

Onde tem posto de vacinação aberto no fim de semana no DF

Estacionamento 12 Parque da Cidade: das 9h às 17h
Torre de TV: das 9h às 17h
Sesc de Ceilândia: das 9h às 17h
Taguaparque: das 9h às 17h
Praça dos Cristais: das 18h às 23h

Vacinação no DF

O Distrito Federal atingiu a marca de 1.005.782 pessoas vacinadas contra a Covid-19 nesta sexta-feira (2). O número equivale a 32,46% da população.

Nesta sexta, os servidores aplicaram 17.019 doses da vacina, sendo 13.942 de primeira dose (D1), 2.960 de segunda dose (D2) e 117 dose única, com a vacina da Janssen.

Ao todo, 344.171 pessoas tomaram as duas doses da vacina contra Covid-19 na capital e 15.881 se imunizaram com a dose única. O Distrito Federal ocupa a 16ª posição no ranking nacional de imunização contra a Covid-19. Em fevereiro, o DF chegou a ter a maior taxa de vacinação do país.