Violência contra mulheres: estande da Globo na Rodoviária do Plano Piloto chama atenção para o problema e orienta vítimas

Defensoria pública do DF também presta atendimento. Ação começou nesta segunda-feira (14) e vai até quarta (16); série de reportagens no DF1 vai debater assunto.

Por G1 DF

Ação da Globo na Rodoviária do Plano Piloto, em Brasília, alerta sobre a violência doméstica — Foto: Globo/ Divulgação

Um espaço na Rodoviária do Plano Piloto chama a atenção desde esta segunda-feira (14). Em um estande da Globo, a violência contra as mulheres é o tema debatido com quem passa pelo local.

O objetivo é chamar a atenção para o problema e orientar sobre como denunciar. A Defensoria Pública do Distrito Federal está junto na ação e atende quem precisar der ajuda.

Um folheto explicativo mostra que situações consideradas simples podem se agravar e virar violência — Foto: Globo/ Divulgação

Um folheto explicativo alerta para casos que parecem simples, mas com o tempo, podem se agravar. É o caso dos xingamentos "em tom de brincadeira", que viram humilhação, violência psicológica e até violência física.

E para manter a autoestima e mostrar que é possível reagir, um painel foi criado para que as mulheres completem a frase: "Nós mulheres somos..."

O serviço na rodoviária vai até quarta-feira (16), das 11h às 17h, de graça.


Mulheres – e até homens escrevem mensagens em um painel que chama a atenção da violência contra mulheres na rodoviária de Brasília — Foto: Globo/ Divulgação

Violência contra a mulher vira série no DF1

A partir desta terça (15), a violência contra as mulheres também é assunto no DF1. Uma série de reportagens debate o assunto.

Com depoimentos de quem foi vítima, entrevistas com especialistas e debates, o objetivo é propor o enfrentamento à violência contra mulheres que já é considerada um caso de saúde pública.

Só este ano, segundo levantamento do G1, 26 mulheres foram vítimas de feminicídio no Distrito federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.