Governo de Brasília lança projeto de iluminação que beneficiará população do Tororó

Ordem de serviço para benfeitorias no setor habitacional foi assinada pelo governador de Brasília neste sábado (10). Regularização e infraestrutura também estão previstas para a região

O caminho de casa para o comércio, para a faculdade e para outras regiões administrativas ficará mais fácil e seguro no Setor Habitacional Tororó, em Santa Maria. “Locais que estão no escuro serão iluminados, a regularização agora está mais perto da realidade, tudo isso nos deixa esperançoso”, comemorou a moradora e presidente da Associação de Empreendedores do local, Maria José Feitosa. Na ocasião, na manhã deste sábado (10), o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, assinou a ordem de serviço para projeto de iluminação do setor.

Serão instalados 2 mil metros de rede de baixa tensão, 50 braços pesados com luminárias, 23 postes de aço curvo de 7,5 metros com luminária e 33 postes de rede aérea. “Essa é uma região muito especial para Brasília, faremos todo o esforço para garantir o crescimento ordenado e com qualidade de vida para essa população”, destacou Rollemberg.

A iluminação começará a ser instalada pela Companhia Energética de Brasília (CEB) ainda nesse mês e a previsão de conclusão é no fim de janeiro. O investimento previsto é de R$562 mil, com verba de emenda parlamentar da deputada distrital Telma Rufino (Pros), que acompanhou a assinatura. O projeto contempla os condomínios Via Green Village e Atlântico Sul, além de complementar a iluminação já existente em outros pontos do setor.

No início da manhã, o governador percorreu as ruas e os condomínios da região para avaliar os serviços públicos prestados.
Regularização e infraestrutura

Durante o evento, houve a entrega simbólica de reparos feitos em parceria do governo com a sociedade. Por meio de arrecadação da Associação de Empreendedores do Tororó, a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) cascalhou 13 quilômetros de vias no setor habitacional.

Também foram instaladas 30 bacias de contenção e 30 quebra-molas. “O governo sozinho, às vezes, não é capaz de enfrentar todos os desafios com a rapidez que a população precisa”, avaliou Rollemberg. “Ficamos muito gratos com essa parceria e trabalhamos para garantir outras benfeitorias na região como a macrodrenagem e a duplicação de vias de acesso”, adiantou.

O Instituto Brasília Ambiental (Ibram) também entregou a licença ambiental para o condomínio Santa Felicidade, um dos 24 mapeados na região. O documento é essencial para iniciar a regularização dos terrenos. De acordo com o Ibram, quatro já estão com a licença expedida e os outros 20 estão em processo.

Também participaram do evento os secretários de Infraestrutura e Serviços Públicos, Antônio Raimundo Santos Ribeiro Coimbra, das Cidades, Marcos Dantas, e de Gestão do Território e Habitação, Thiago Teixeira de Andrade; o chefe da Casa Militar, coronel Cláudio Ribas; os presidentes do Ibram, Jane Vilas Bôas, e da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap), Júlio César de Azevedo; os diretores presidentes da Novacap, Júlio Menegotto, e da CEB, Ari Joaquim da Silva; e o administrador de Santa Maria, Hugo Gutemberg Correia Monteiro Da Silva.

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo