Acordo de gestão regional moderniza administração da saúde pública de Brasília

Documento que descentraliza atuação do setor foi firmado na tarde desta terça-feira (19). Governador Rodrigo Rollemberg participou da solenidade e assinou como testemunha.

Com o objetivo de descentralizar a administração e modernizar o atendimento na saúde pública, foi assinado, na tarde desta terça-feira (19), acordo de gestão regional por representantes da Secretaria da Saúde. O governador Rodrigo Rollemberg participou da cerimônia, no Salão Nobre do Palácio do Buriti.Documento que descentraliza atuação do setor foi firmado na tarde desta terça-feira (19). O governador Rodrigo Rollemberg participou da cerimônia e assinou o acordo como testemunha. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Ele agradeceu o empenho da equipe na superação dos desafios em tempos de crise financeira. “A descentralização da saúde é um dos maiores compromissos da nossa gestão. Tenho certeza de que melhoraremos o atendimento estruturalmente”, discursou Rollemberg, depois de assinar o documento como testemunha.

Previsto no Programa de Gestão Regional da Saúde, o acordo formaliza compromissos assumidos entre a administração central da pasta com as superintendências regionais. Assim, a gerência do setor em Brasília atenderá melhor as necessidades de cada região do DF.

O secretário de Saúde, Humberto Fonseca, detalhou o processo. “Fizemos mais de 100 reuniões para determinar metas e resultados. Criamos também um grupo de trabalho para descentralização orçamentária.”
"Nosso modelo é ousado e moderno. Vamos encontrar percalços no caminho, mas temos que ter resiliência, porque é o melhor para a população"Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Entre as metas, Fonseca citou a redução da mortalidade infantil e a ampliação da cobertura populacional pela Estratégia Saúde da Família. O trabalho será avaliado pelo período de vigência, de 12 meses, para garantir a qualidade e atender os resultados definidos.

Além do governador, assinaram como testemunhas a presidente do Conselho de Saúde, Lurdes Piantino e o deputado distrital Juarezão (PSB).

Com a medida, a administração do setor fica dividida em sete regiões:
Centro-Sul
Centro-Norte
Oeste
Sudoeste
Norte
Leste
Sul

Para aproveitar a ocasião, Rollemberg citou três destaques alcançados no atual mandato, desde 2015, além do acordo de gestão. São eles:
A ampliação da atenção primária pela Estratégia Saúde da Família
A criação do Instituto Hospital de Base do Distrito Federal
A criação do Hospital da Criança de Brasília

“Nosso modelo é ousado e moderno. Vamos encontrar novos percalços no caminho, mas temos que ter resiliência porque é o melhor para a população”, defendeu o governador.
Servidores do Planejamento têm dedicação reconhecida

Antes do evento da saúde, a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão premiou 63 profissionais com o diploma Mérito Seplag de 2017, como forma de valorizar o servidor. O governador Rodrigo Rollemberg participou da cerimônia, nesta terça (19), no Salão Branco do Palácio do Buriti.

Criada em 2016, a premiação dá destaque ao trabalho desempenhado pelos servidores durante o ano. “Agradeço a dedicação e espírito público de todos vocês. Não se faz nada sozinho, principalmente em uma área tão grande e complexa como essa. Os resultados são positivos graças ao envolvimento de vocês”, afirmou Rollemberg.

A titular da pasta, Leany Lemos, também destacou o empenho dos servidores na cerimônia. “Uma das grandes satisfações na vida é poder retribuir quem nos ajuda a fazer melhor o nosso trabalho e a enfrentar e superar os desafios”, disse.

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo