Apps de relacionamento devem financiar ações de prevenção contra Aids

Senado aprova MP que permite renegociação de dívida rural ao custo de R$ 5,3 bi

O deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS) apresentou proposta que obriga os aplicativos de relacionamento disponíveis no Brasil a promover ou fi nanciar ações virtuais e presenciais de prevenção e controle da Aids e outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Pelo Projeto de Lei 9778/18, as campanhas também deverão incluir, por exemplo: - o incentivo à testagem anti-HIV e outras ISTs; - o incentivo à vacinação contra o papiloma vírus humano (HPV), hepatite B e outras ISTs; - o combate à discriminação contra pessoas que vivem com HIV e com outras ISTs; - a divulgação de métodos de prevenção contra o vírus HIV e outras ISTs.
Fonte:  Alô Brasília
Foto: Reprodução

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.