Órgãos públicos e empresas terão que usar canudos e copos biodegradáveis

Projeto de autoria do deputado Cristiano Araújo

Os órgãos públicos e as empresas privadas do Distrito Federal terão que substituir o consumo de embalagens descartáveis para consumo de alimentos, incluindo copos e canudos por produtos elaborados a partir de materiais biodegradáveis. A medida está prevista no projeto de lei nº 976/2016, do deputado Cristiano Araújo (PSD), aprovado na tarde desta sexta-feira (14).

De acordo com o projeto, entende-se como materiais biodegradáveis aqueles elaborados a partir de matérias orgânicas como fibras naturais, amidos de milho, mandioca, bagaço de cana, óleo de mamona e beterraba, entre outros. A partir da sanção da nova legislação, o governo terá que adequar todas as suas licitações à nova exigência.

Atendimento – Os deputados distritais também aprovaram o projeto de lei nº 604/2015, da deputada Sandra Faraj (PR), que estabelece diretrizes para a política de atendimento às mulheres com problemas de vício, especialmente alcóolatras e viciadas em drogas. 

Luís Cláudio Alves
Foto: Carlos Gandra
Comunicação Social – Câmara Legislativa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Espaço Mulher DF - 2013 - Todos os direitos reservados.